Aparecida (GO) tem superávit de R$ 353 milhões em 2023

HomeBrasil

Aparecida (GO) tem superávit de R$ 353 milhões em 2023

Goiânia – O município de Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital goiana, teve um superávit de R$ 353,9 milhões no ano de 2023, já a receita superou os R$ 2,5 bilhões. Os dados foram detalhados durante a prestação de contas do prefeito Vilmar Mariano (UB) ao Poder Legislativo, que aconteceu nessa terça-feira (16/4).

De acordo com o gestor municipal, os investimentos em saúde superam em duas vezes os 15%, conforme determina a legislação. Na educação, em que é exigido 25%, foram aplicados 34,38%. No total, a despesa da cidade foi de pouco mais de 2,1 bilhões, segundo a Secretaria da Fazenda.

Saúde financeira

Mariano ressaltou a saúde financeira da gestão e apontou os investimentos em curso em diversas áreas. O prefeito reforçou ainda a importância do Poder Legislativo na fiscalização das contas públicas e assegurou que o Executivo seguirá à disposição dos parlamentares e de toda população para qualquer esclarecimento acerca das receitas e despesas do município.

“Investimos 42,48% na saúde. Esse número representa mais que o dobro do que é determinado para administração municipal. Na educação, que é um dos grandes destaques de nossa administração, aplicamos mais do que é exigido. Esse desempenho, com certeza, ilustra nosso compromisso e responsabilidade com duas áreas extremamente importantes para o bom andamento do governo”, disse o prefeito.

Folha de pagamento

Ainda segundo apresentação elaborada pela Secretaria da Fazenda, o gasto com folha de pagamento está abaixo do ‘limite de alerta’. Hoje, são aplicados 48,17% com os servidores municipais. O limite máximo é de 54% e o limite prudencial, de 51,7%. Em relação ao Poder Legislativo, o índice também é positivo. A gestão poderia encaminhar até 6%, mas atualmente são aplicados 1,83%.

Capacidade de endividamento

Conforme a Secretaria da Fazenda, a dívida consolidada liquida é de 37%. A margem para endividamento é de 63%, e o limite máximo permitido é de até 120%.

Diante do cenário, o prefeito explicou aos parlamentares que a administração teve condições para continuar investindo em várias áreas. Ele ilustrou, por exemplo, o Programa Aparecida 100 Anos. A iniciativa investe R$ 505 milhões em obras de infraestrutura. Entre as ações, 17 bairros serão contemplados com pavimentação asfáltica. O pacote prevê ainda construção de bueiros, recapeamentos das principais vias da cidade e implantação de eixos viários.

Com informações da Prefeitura de Aparecida de Goiânia 

Fonte: clique aqui.

Você gostou desse conteúdo? Compartilhe!

COMMENTS