Brasil perde ao adotar contorcionismo sobre Irã, diz presidente de Comissão de Relações Exteriores – 18/04/2024 – Painel

HomePolitica

Brasil perde ao adotar contorcionismo sobre Irã, diz presidente de Comissão de Relações Exteriores – 18/04/2024 – Painel

O presidente da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional da Câmara dos Deputados, Lucas Redecker (PSDB-RS), criticou a nota emitida pelo governo brasileiro sobre os ataques do Irã com drones e mísseis contra Israel e afirmou que o país perde ao adotar “contorcionismo retórico” sobre o tema.

Na segunda-feira (15), o próprio ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, reconheceu que o posicionamento foi feito quando a extensão da ofensiva iraniana ainda não estava clara.

Redecker diz estar preocupado com uma possível escalada das tensões na região. “O Brasil, por sua tradição e peso diplomático, não pode hesitar em condenar um ataque como este, dirigido contra uma população civil”, afirma. “Um ataque com drones e mísseis deve ser duramente condenado e foi o que fizeram as potências ocidentais, com exceção do Brasil, lamentavelmente”.

O deputado afirma que, mesmo que o Irã tenha recorrido a artigo de legítima defesa da ONU, “todos sabem que o seu regime defende, assim como o Hamas e o Hezbollah, a destruição completa de Israel.”

“Portanto, não se pode aceitar como natural esse tipo de ação ou resposta”, afirma. “O Brasil perde muito ao adotar um contorcionismo retórico quando o mundo todo condena o ataque, inclusive países muçulmanos”, ressalta. O parlamentar disse também estar preocupado com a possibilidade de a política externa do país estar “sendo substituída pelo pensamento de um partido político no poder”.


LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Fonte: Agência Brasil

COMMENTS