“Vou me autoprocessar por bullying”; assista

HomeÚltimas Notícias

“Vou me autoprocessar por bullying”; assista

Sessão da Suprema Corte discutia o uso de vestimentas religiosas em fotos de documentos oficiais

19 abr
2024
– 17h33

(atualizado às 17h33)

Resumo
O ministro Alexandre de Moraes brincou com o fato de ser careca durante o julgamento do uso de roupas religiosas em fotos de documentos oficiais no STF.





Moraes brinca sobre ser calvo em sessão do STF: ‘Vou me autoprocessar por bullying’:

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes brincou com o fato de ser careca e declarou que vai se ‘autoprocessar por bullying’. A brincadeira ocorreu ao julgar o uso de roupas religiosas em fotos de documentos oficiais durante uma sessão da Suprema Corte. 

Na última quarta-feira, 17, os ministros discutiam o uso das vestimentas religiosas para fotos em documentos oficiais, como véus muçulmanos. O presidente da Corte, o ministro Luis Roberto Barroso, afirmou que alguns mostravam ‘um princípio de cabelo’ e Moraes respondeu: “Não sou especialista, nem em cabelo nem em véu”

O ministro Kássio Nunes Marques entrou na brincadeira e disse que o colega ‘fez bullying’ com a própria calvície. “Eu vou me autoprocessar por bullying”, respondeu Moraes, arrancando risadas dos ministros. 

Ao fim da sessão, o STF decidiu que o uso dos trajes religiosos é constitucional, desde que não impeça o reconhecimento facial do cidadão. A decisão foi unânime e de acordo com o voto do relator do caso, o ministro Barroso. 

O caso se iniciou com uma ação civil pública devido a uma freira impedida de usar o hábito quando renovou sua carteira de habilitação.




Moraes brinca sobre ser calvo em sessão do STF: 'Vou me autoprocessar por bullying'

Moraes brinca sobre ser calvo em sessão do STF: ‘Vou me autoprocessar por bullying’

Foto: Reprodução

Fonte: clique aqui.

Você gostou desse conteúdo? Compartilhe!

COMMENTS